Valentine’s Day, dia dos namorados mundial, ganha Doodles do Google

0
320

O Valentine´s Day, ou Dia de São Valentim, está sendo celebrado por três Doodles do Google simples, mas simpáticos, mostrando o romance entre uma simpática chaleira e um bule de café, um cactus e um porco-espinho e um guardanapo com uma toalha de papel. O Brasil ficou fora da festa global – afinal, comemoramos a data só no dia 12 de junho – e sempre ganhamos um Doodle especial.

As animações, que aparentemente estão se alternando a cada vez que entramos no site, estão disponíveis na página principal de busca de locais que comemoram o Dia dos Namorados hoje, como Estados Unidos, Reino Unido, Austrália, Portugal, França, Argentina e outros. Até agora, apenas as três foram identificadas. Será que tem mais alguma imagem (ou romance…) escondida?

Doodle de São Valentim: romance entre cactus e porco-espinho? (Foto: Reprodução)Doodle de São Valentim: romance entre cactus e porco-espinho? (Foto: Reprodução)

Em 2014, a data mundial foi marcada por um dos Doodles de maior sucesso do buscador. A imagem interativa permitia presentear que o usuário presenteasse a pessoa amada com uma caixa de bombons virtual com a receita personalizada. Entre as opções de recheio estão morango, cereja, ursinhos de gelatina, bala de caramelo, castanha e – como gosto não se discute – até mesmo uma formiga.

O doodle do Google permite usar três ingredientes para formar o doce (Reprodução/Google)O doodle do Google permite usar três ingredientes para formar o doce (Reprodução/Google)

Dia dos namorados?

Em diversos países, em 14 de fevereiro, o Dia de São Valentim, é celebrado também o Dia dos Namorados. Conta a lenda que Valentim foi um bispo no período da Roma Antiga, que continuou a celebrar casamentos mesmo após a proibição do imperador Cláudio II. O imperador tinha o objetivo de formar um grande exército e acreditava que os jovens sem família se alistariam com maior facilidade.

Vitral representando Valentim e seu discípulos (Reprodução/Wikimedia Commons)Vitral representando Valentim e seu discípulos (Reprodução/Wikimedia Commons)

Para escapar da proibição, o bispo Valentim realizava as cerimônias às escondidas. No entanto, acabou sendo descoberto, preso e condenado à morte. Segundo a lenda, durante seu período na cadeia, jovens casais jogavam flores e bilhetes para o bispo, dizendo que ainda acreditavam no amor.

Enquanto estava preso, Valentim teria conhecido a jovem Artérias, filha do carcereiro, e os dois acabaram se apaixonando. A moça seria cega, mas se curou milagrosamente, recuperando a visão. Ele teria escrito uma carta para ela na qual assinou “De: seu Valentim”, expressão que passou a ser usada em cartões entre namorados em cartões em inglês (From: your Valentine).

Apesar do romance, o destino do bispo já estava traçado e em 14 de fevereiro de 270 d.C, teria sido executado. A possível data da morte de Valentim virou um marco, a princípio, para países anglo-saxões. A cultura se espalhou para diversos outros como o dia para troca de presentes e bilhetes românticos entre namorados. A Igreja Católica, no entanto, parou de celebrar o Dia de São Valentim em 1969. A entidade passou a duvidar da identidade do santo e, até mesmo, de sua existência.

No Brasil, o Dia dos Namorados é celebrado apenas em 12 de junho, véspera do Dia de Santo Antônio, que tem fama de ser casamenteiro. Para quem não quer esperar até junho para ver um Doodle romântico, vale conferir e se divertir na página portuguesa do Google.

por FABRÍCIO VITORINO

Para o TechTudo

 

Booking.com

Deixe uma resposta