SANTA CATARINA ESPERA 25% A MAIS DE ARGENTINOS NO VERÃO DE 2017

Estimativa considera esforço da Embratur para promover a temporada em mais de 167 países, com atenção para a América do Sul

0
5176
Lummertz durante coletiva de imprensa, em Florianópolis, para divulgar campanha de verão (Fotos: Mafalda Press)

Santa Catarina deve receber 8,9 milhões de visitantes nacionais e internacionais neste verão. A informação, da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, foi divulgada pelo presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Vinicius Lummertz, durante o lançamento da campanha publicitária do verão brasileiro no exterior, nesta sexta-feira (9). Os esforços de promoção do País e a valorização do câmbio devem impulsionar o turismo em direção ao Estado.

“Teremos uma das melhores temporadas de verão de todos os tempos em Santa Catarina e no Brasil, com destaque para a previsão de crescimento de 25% do fluxo de argentinos. Os grandes eventos ajudaram a consolidar a imagem do nosso País como anfitrião. E, como fizemos na peça publicitária que a Embratur está rodando pelas TVs do mundo, nosso próximo evento é o verão”, afirmou Lummertz.

No ano passado, 1,1 milhão de argentinos estiveram em Santa Catarina, enquanto este ano são esperados 1,4 milhão de turistas daquele País. A temporada foi responsável pelo incremento de 7% na arrecadação do Estado. Esse número deve ser ainda maior em 2017, de acordo com o secretário da Fazenda de SC, Antonio Gavazzoni, principalmente nos meses de fevereiro e março.

A secretária de Turismo de Florianópolis, Zena Becker, reiterou a expectativa para os próximos meses: “Já existe uma consciência de que, se tratarmos bem os turistas no verão, teremos visitantes durante todo o ano. Acredito que o movimento de sul-americanos deverá ser até 30% superior ao da temporada 2015/2016”.

Na ocasião, o presidente da Embratur analisou dados do Ministério do Turismo, que prevê a chegada de 2,4 milhões de estrangeiros para esta temporada em todo o País. O total representa aumento de 11% no fluxo de estrangeiros, em relação ao verão passado, quando o Brasil recebeu 2,1 milhões de visitantes do exterior.

Estratégia direcionada

Conforme explicou Lummertz, a campanha publicitária da Embratur que reforça o convite ao verão está sendo veiculada nas maiores emissoras de televisão do mundo: CNN, Fox, Discovery Channel e Natgeo. A iniciativa, disponível nos idiomas inglês e espanhol, circula em sete países da América Latina e chegará a cidadãos de mais de 167 nacionalidades diferentes.

Dados anteriores

Em termos de Brasil, os turistas sul-americanos foram os que tiveram crescimento mais exponente nas últimas temporadas de verão (dez/jan/fev), de acordo com dados do Anuário Estatístico de Turismo do Ministério do Turismo. Em 2012/2013, 1.006.343 visitantes desembarcaram no País. Destes, 709.667 eram argentinos, 117.346 paraguaios, 102.326 chilenos e 77.004 uruguaios.

Apesar da queda na temporada 2013/2014, em que o número foi de 836.343 (535.050 da Argentina, 138.753 do Paraguai, 98.314 do Chile e 64.226 do Uruguai), após os investimentos da Embratur em ações promocionais, no ano seguinte, o verão 2014/2015 foi ainda melhor. No total, 1.459.792 turistas da América do Sul estiveram no Brasil naquele período, sendo 1.077.549 da Argentina, 156.826 do Paraguai, 136.562 do Chile e 88.855 do Uruguai.

As estatísticas referentes à temporada 2015/2016 somente serão divulgadas no próximo Anuário Estatístico, mas a Embratur estima que tenha sido positivo. Um exemplo é o mês de dezembro do ano passado, que aponta a chegada de 263.225 argentinos, 38.872 chilenos, 50.243 paraguaios e 22.925 uruguaios.

Booking.com

Deixe uma resposta