Ibis Guaíba atinge 30% de ocupação em dois meses

0
294
Bernardi (e), Pinheiro (c) e Caputo falaram sobre o empreendimento CLAITON DORNELLES/JC - Jornal do Comércio

Adriana Lampert

Executivos e funcionários de empresas ligadas ao polo industrial de Guaíba que desembarcarem no Estado em viagens de negócios agora têm mais uma alternativa de hospedagem econômica fora da Capital. A primeira operação do hotel Ibis na cidade de Guaíba abriu as portas em janeiro deste ano e, mesmo em baixa temporada, já registra taxa de ocupação superior a 30%.

“A tendência é melhorar a partir deste mês”, celebra o presidente da rede Atrio Hotéis (franqueada da operadora hoteleira Accor Hotels e administradora da unidade), Paulo Roberto Caputo. Construído pela Pinenge Negócios Imobiliários, braço da Procon Construções, o empreendimento é resultado de um investimento de R$ 15 milhões, e deve se pagar em 10 anos, segundo a previsão do presidente do grupo, Caetano Pinheiro.

Este é o 12º hotel sob administração da Accor no Rio Grande do Sul e a 29ª unidade cuja gestão está sob responsabilidade da Átrio, que atua nas regiões Sul e Sudeste do País e faturou R$ 120 milhões em 2016. À frente de bandeiras como Novotel e Mercure, a empresa franqueada da Accor é gestora de 21 empreendimentos com a marca Ibis, cujo perfil econômico e padrão médio se encaixa com a demanda que até então existia em Guaíba, aponta Caputo.

“O Ibis é perfeito para atuar em cidades secundárias, com economia pujante, mas uma demanda menor”, avalia, lembrando da presença de empresas como a CMPC Celulose Riograndense, ThyssenKrupp, Melco Elevadores e Melitta, que atuam na região. Desenvolvido dentro de um bairro planejado, em uma área que contará também com estabelecimentos residenciais, comerciais e de uso misto, o Ibis Guaíba conta com 160 leitos distribuídos em 80 apartamentos, sendo cinco deles adaptados para pessoas com necessidades especiais. As diárias custam a partir de R$ 139,00 – não incluído o café da manhã, que custa R$ 19,00.

“Este preço está entre 15% e 20% mais barato que nas demais unidades da bandeira em Porto Alegre”, destaca o gerente do hotel, Fábio Bernardi. Segundo o gestor da unidade, apesar de a maioria dos hóspedes ser turista de negócios, o empreendimento também tem potencial para receber convidados de casamentos, aniversários e outros eventos que ocorram na cidade durante os fins de semana. “A pernoite no hotel é uma forma segura e econômica de participar destas festas, sem precisar se preocupar com o retorno à noite”, diz Bernardi.

“A região é atrativa pela bela vista do Lago Guaíba, além do comércio da região, do calçadão da orla do Guaíba e do passeio pelo catamarã, que leva o turista para a capital gaúcha”, enumera Pinheiro. Ele destaca que esta foi a primeira vez que a construtora investiu em um hotel. “Mas provavelmente não será a única”, adianta. Assim como os demais empreendimentos da marca Ibis, a unidade de Guaíba possui Wi-Fi gratuito nos quartos e nas áreas comuns, além de serviços como recepção e bar funcionando 24 horas por dia.

“O café e o restaurante são abertos ao público em geral”, ressalta o gerente da operação. Bernardi chama atenção para o fato de que os ambientes do hotel são 100% livres de fumo, e que são aceitos cães de estimação de até 15 quilos. “Neste caso, é cobrada uma taxa de R$ 50,00 por animal.”

– Jornal do Comércio (http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2017/03/economia/550067-ibis-guaiba-atinge-30-de-ocupacao-em-dois-meses.html)

Booking.com

Deixe uma resposta