Estudo diz que dieta rica em azeite virgem melhora funções do “colesterol bom”

Um estudo demonstrou que fazer uma dieta mediterrânica rica em azeite virgem melhora as funções das lipoproteínas de alta densidade, o denominado "colesterol bom".

0
249

Um estudo demonstrou que fazer uma dieta mediterrânica rica em azeite virgem melhora as funções das lipoproteínas de alta densidade (HDL), o denominado “colesterol bom”.

A investigação, feita pelo Instituto Hospital do Mar e de Investigações Médicas de Barcelona , Espanha, e publicada esta segunda-feira na revista “Circulation”, demonstra pela primeira vez o potencial terapêutico de um padrão alimentar da dieta mediterrânica tradicional sobre as funções cardio-protetoras do “colesterol bom”. A principal função do HDL é retirar o excesso de colesterol das artérias e transportá-lo para o fígado, para a sua excreção.

Até agora, os benefícios sobre a função do “colesterol bom” só tinham sido demonstradas em alguns ensaios clínicos com medicamentos ou com base no aumento do consumo de intervenções alimentares isoladas, mas nunca tinha sido estudado o que aconteceria caso se modificasse completamente a dieta.

Comparamos os tipos de dieta mediterrânica, uma rica em azeite e outra rica em frutos secos, e percebemos que a dieta mediterrânica tradicional, especialmente quando era rica em azeite, estava associada à melhoria das funções do HDL”, explicou Montse Fitó, coordenadora do grupo de investigação do risco cardiovascular e nutrição do instituto.

Assim, segundo a coordenador do estudo, induzir uma melhoria da função de HDL poderá ser uma via para diminuir o risco de doenças cardiovasculares.

Booking.com

Deixe uma resposta